0

Garota Gemini

A formanda em arquitetura Fernanda Gomes escolheu há dois anos a bicicleta como meio de se deslocar na região central de BH mas, não foi qualquer bicicleta: trata-se de uma Monareta Gemini, uma representante da primeira geração das Monark’s desse modelo que foi sucesso nas décadas de 60 e 70. Ela também acredita que a bicicleta resgata a vida nos centros urbanos: “Eu acho que a bicicleta proporciona uma vivência especial na cidade” disse Fernanda. Concordo com ela e acrescento: é mais especial ainda quando usamos bicicletas antigas.

IMG_6819.JPG

IMG_6827.JPG

IMG_6822.JPG

IMG_6823.JPG

Texto e Fotos: Gil Sotero

0

Com pressa

Nem sempre dá para conversar com o bicicleteiro que segue seu caminho. Afinal a Bici é o melhor meio de transporte n região central de BH! Por isso quando foquei não deu tempo de pegar o nome nem fazer perguntas. Mesmo assim é mais uma mulher que revela a possibilidade de se usar a bici na cidade e mantendo sua elegância.

IMG_6620.JPG

0

Da faculdade para casa

Ronaldo Miranda é estudante de medicina e usa a bici como meio de transporte há 4 anos em BH. Costuma fazer o trajeto área hospitalar – Sion com frequência. “Acho que a cidade está melhorando para quem pedala mas ainda não recomendo às pessoas. É preciso muita malícia para se deslocar entre os carros. Os motoristas não respeitam os ciclistas” desabafa.

IMG_6621.JPG

IMG_6623.JPG

IMG_6624.JPG

0

Bike Girl

Na Getulio Vargas avistei uma garota ao celular e tendo a sua Bici ao lado enquanto esperava o sinal abrir. Seu nome é Luana, ela trabalha como entregadora de uma farmácia na região centro-sul e usa a Bici para fazer o serviço. Disse que sempre pedalou em BH e acha que a cidade melhorou para o ciclista. Eu fiquei muito feliz em saber que há pelo menos uma garota trabalhando como Bike Girl em BH. Será que há mais? Tomara.

20141106-202104-73264000.jpg

20141106-202102-73262195.jpg

0

Chapéu

Por Gil Sotero*

Os registos mais antigos sobre a existência e uso regular de proteções para a cabeça, datam do ano de 4.000 a.C. e referem-se ao Antigo Egito, à Grécia e à  Babilônia. Nessa época era normal usarem-se faixas de tecido na cabeça para prender e proteger os cabelos. Foi com a nobreza e a sua necessidade de mostrar o seu status social que mais tarde surgiram os turbantes, as tiaras e as coroas, que também eram usadas, por vezes, pelos sacerdotes e pelos guerreiros, embora com significados sociais distintos. No entanto, a primeira proteção de cabeça digna de poder ser considerada um chapéu, nasceu por volta do ano 2000 a.C. e foi inventado pelos gregos. Conhecido pelo nome de “Pétaso”, este primeiro chapéu tinha uma copa baixa e umas abas largas, sendo usado pelos gregos como protecção nas suas frequentes viagens.

bikes chapeu

Quando a bicicleta surgiu, homens e mulheres já usavam chapéus. Após os anos 1930 os chapéus passaram a ser vistos como um acessório de vestuário.

Hoje em dia o chapéu caiu em desuso pela maioria da população. Ao invés deles entraram em cena os bonés. Outro dia entrei no ônibus usando um chapeu , estilo Pork Pie e notei que os olhares se dirigiam a minha cabeça. De repente reparei que todos que usavam chapeu no local estavam com bonés. Até mesmo o publico feminino se rendeu a esse estilo de chapéu esportivo, abandonando uma grande gama de tipos de chapéus que elas tinha a disposição.

tendencia-bone-1

Femininos

chapeu menina

Masculinos Blog-Dudalina-Masculina-chapéus

O visual esportivo praticamente tomou o cotidiano das pessoas. Diariamente as pessoas saem de casa como se fossem correr, pedalar ou praticar algum tipo de esporte. A mídia esportiva tomou todos editoriais e a imagem dos atletas se sobressem no dia-a-dia. Paralelamente nunca na história da humanidade as pessoas estiveram tão doentes por causa do sedentarismo. Alguma coisa está errada não é?

Na contramão do mundo os bicicleteiros estão resgatando um estilo de vida mais ativo e de quebra alguns itens do vestuário como os chapéus. Este editorial é dedicado a eles.

Rapaz com sua bici no centro de Washington DC. Foto Gil Sotero

Rapaz com sua bici no centro de Washington DC. Foto Gil Sotero

Garota pedalando no Central Park. Foto Gil Sotero

Garota pedalando no Central Park. Foto Gil Sotero

Homem pedalando em Bogotá - Colômbia. Foto Gil Sotero

Homem pedalando em Bogotá – Colômbia. Foto Gil Sotero

eu

Outros: (fonte: internet)

7678774604_c415beb3e8_b cycle-chic1 l1030655 paris-cycle-chic-2 Photos-of-Brad-Pitt-Riding-His-Bike-in-New-Orleans-Mozilla-Firefox-15122011-50154-PM.bmp1

Fontes: http://origemdascoisas.com/a-origem-do-chapeu/

* Gil Sotero é jornalista e designer bicicleteiro. Responsável pelo projeto BH Cycle Chic.